Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
28/03/22 às 13h22 - Atualizado em 8/04/22 às 11h07

Brasília Ambiental e MCJB celebram um ano de parceria

COMPARTILHAR

Cerca de 80 projetos e atividades em andamento, que atendem aproximadamente cinco mil pessoas, sendo entre elas, 300 crianças beneficiadas pelo projeto Esporte Sustentável. Esses são alguns números que fazem o Acordo de Cooperação, firmado entre o Instituto Brasília Ambiental e o Movimento Comunitário do Jardim Botânico (MCJB), para a gestão compartilhada do Centro de Práticas Sustentáveis (CPS), no Jardins Mangueiral, ser considerado um case de sucesso no primeiro ano de existência.

 

Para o chefe da Unidade de Educação Ambiental (Educ) da autarquia, Marcus Paredes, essa parceria é uma grande conquista da atual gestão. “É a educação ambiental chegando na ponta. Disponibilizamos o espaço e orientamos o trabalho para que seja efetivo e atenda à comunidade. Não há troca de recursos financeiros entre os pares e estamos aprendendo muito com esse Acordo – estabelecido via Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil (MROSC)”, explica.

 

Segundo o secretário executivo do MCJB e gerente de atividades do CPS, Ilton de Queiroz Júnior, esse primeiro ano foi positivo e desafiador. “Assinamos o acordo em 5 de março, alguns dias antes da suspensão das atividades presenciais devido à pandemia. Ainda assim tivemos muitas realizações, como a transformação do CPS em drive-thru para a vacinação contra a Covid-19 e a reforma do prédio, que estava há muito tempo sem manutenção básica”, cita.

 

Destaques – A parceria já registra mais de duas dezenas de projetos desenvolvidos, dos quais se destaca o Ecoponto, ponto de material reciclado, desenvolvido com a Cooperativa de Catadores Ecolimpo de São Sebastião. Hoje a cooperativa arrecada uma tonelada de material reciclado por semana, além de promover a consciência ambiental entre os moradores do Jardim Botânico e região.

 

Há ainda, a Feirinha de Orgânicos da Emater, que ocorre todas as quartas-feiras, a Biblioteca Oikos, e o Ecowork, que conta com 12 estações com computador e Internet, onde as pessoas podem estudar e/ou trabalhar. No âmbito virtual, foram ministrados vários cursos, palestras, sendo o grande destaque o 1º Workshop de Sustentabilidade, que contou com mais de mil visualizações.

 

Para 2022 estão previstos cursos de administração financeira, gastronomia e culinária sustentável, viveirista, horta, plantas medicinais, artesanato, marcenaria, entre outros. Além disso, o Projeto Esporte Sustentável, que beneficia a comunidade com bolsas em diversos esportes e dança, está com inscrições abertas, para modalidade paga, visto que o sorteio das bolsas já ocorreu neste ano.

 

“Oitenta por cento dos alunos são bolsistas. São várias modalidades esportivas e de dança com foco na sustentabilidade. Os materiais utilizados nas aulas são todos reciclados. Temos aulas de balé, capoeira e várias artes marciais”, acrescenta o gerente de atividades do CPS.

 

O Centro de Práticas Sustentáveis funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. Os interessados podem saber mais detalhes sobre as atividades oferecidas por meio do site:  www.mcjb.org.br/atividades.

Brasília Ambiental - Governo do Distrito Federal

SEPN 511 - Bloco C - Edifício Bittar - CEP: 70.750-543