Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
18/03/22 às 13h12 - Atualizado em 18/03/22 às 13h12

Brasília Ambiental concede autorização para o início da duplicação na DF-250

COMPARTILHAR

Após o Instituto Brasília Ambiental emitir Licença Ambiental, ao Departamento de Estradas de Rodagem (DER/DF), para a realização de benfeitorias na DF – 250, a autarquia ambiental expediu, nesta semana, a Autorização de Supressão Vegetal (ASV) para o início das obras na via. O ato administrativo tem validade de um ano.

 

Em geral, as obras de infraestrutura demandam a retirada de algumas árvores para que a intervenção seja realizada em sua totalidade. “O Brasília Ambiental faz uma análise prévia, de modo que esse corte de árvore seja o mínimo necessário para que a obra aconteça”, explica o superintendente de Licenciamento Ambiental, Alisson Neves.

 

O gestor ainda reforça que toda supressão de vegetação é acompanhada de uma compensação florestal para o plantio de outras árvores ou, ainda, para recuperação ambiental de outra área.

 

De acordo com o DER/DF, a duplicação da DF-250 contribuirá para a fluidez do trânsito beneficiando diretamente a população do Itapoã, do Paranoá e adjacências. A obra tem uma extensão de aproximadamente 6 km e visa solucionar o problema de uma área pela qual trafegam, em média, 40 mil veículos diariamente.

 

ASV – A Autorização de Supressão de Vegetação (ASV) é o instrumento que disciplina os procedimentos de supressão de vegetação nativa em empreendimentos de interesse público ou social submetidos à Superintendência de Licenciamento Ambiental do Instituto, conforme previsto pelo Código Florestal brasileiro.

Brasília Ambiental - Governo do Distrito Federal

SEPN 511 - Bloco C - Edifício Bittar - CEP: 70.750-543